Os teóricos Marcelli e Branconnier citam estatísticas reveladoras de que jovens agressores são meninos entre 9 e 17 anos de idade, especialmente entre 9 e 14 anos de idade e, quase todos apresentam transtornos esfincterianos, asma e outros problemas psicossomáticos na infância, alguns deles comprometedores de aprendizagem. Isto mostra que existem antecedentes aos comportamentos violentos; […]

Leia mais

Marcelli e Branconnier dizem que não devemos ver apenas a questão familiar implicada na psicopatologia do desenvolvimento humano; para eles, muito além da privação ou inadequação materna restrita a uma concepção “linear e monocausal” estão às concepções “pluricausais ou multicausais” além do contexto familiar. Isto, de certo modo, invalida nossa intervenção pois não temos como […]

Leia mais